Desilusões

Não podemos acusar os outros de nos terem desiludido.
A ilusão é um acto da nossa única e inteira responsabilidade!

Anúncios

6 comentários»

  Luísa wrote @

Depende do poeta.

  Tiago Coen wrote @

Não percebi, cara Luísa!…
Mas já agora, diga-me: para si, só a poesia é que é a fonte da ilusão?!…
TC

  Merícia wrote @

Concordo. Mas se a ilusão é da nossa responsabilidade… também é, quando a temos, difícil de “entender”…
Gosto do Blogue, tão original quanto o seu autor:))

  Tiago Coen wrote @

Cara Merícia,
Se temos ilusões, é porque as criamos. Nós. E só nós!
Aqueles que desencadeiam essas ilusões são inocentes neste processo. Os únicos culpados seremos sempre nós mesmos.
Àqueles, poderemos culpá-los de outros crimes, mas isso é já um outro caso.

Obrigado, pelas palavras simpáticas!
Mantenha o contacto!
TC

  Sim Abelhinha wrote @

Pois, não podemos acusar os outros de nos terem desiludido, mas como “espartilhar” a Ilusão e a Imaginação???
Cair, às vezes, faz bem.

  Luíza wrote @

Esse tipo de aforismo parece um pouco Dicionário do Diabo.
Então a ilusão ou desilusão depende do poeta que desilude ou do poeta que se desilude.
E culpa é uma coisa muito fora de moda. Agora nós temos remédios que curam qualquer coisa.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: